A Scytl compartilha experiência de Votação pela Internet com a Rede Global de Justiça Eleitoral

A Scytl compartilhou sua experiência sobre o uso da Votação pela Internet em eleições políticas durante o Congresso Acadêmico Internacional sobre Cibersegurança e Justiça Eleitoral. O evento denominado “Impacto da tecnologia e o fenômeno dos bots, notícias falsas, big data e de outros sobre o exercício dos direitos políticos e eleitorais, processos eleitorais e regulação eleitoral”, teve lugar em Madri nos dias 12 e 13 de abril de 2018.

Durante o evento, Adrià Rodríguez-Pérez, pesquisador jurídico da Scytl, explicou como as soluções de votação pela Internet da Scytl foram adaptadas para irem ao encontro das exigências legais específicas da Suíça com a apresentação do artigo “A regulamentação da votação pela Internet na Suíça: uma abordagem gradual em relação aos riscos da cibersegurança nas eleições”. O caso suíço proporcionou um profundo entendimento na forma em como os governos dispostos a adotar o voto pela Internet em eleições públicas podem identificar os riscos de cibersegurança existentes, bem como as respostas legais e técnicas associadas.

O evento foi coordenado pelo Tribunal Eleitoral Mexicano do Poder Judicial Federal, pelo Centro Espanhol de Estudos Políticos e Constitucionais juntamente com a Classe de Direito Militar da Universidade Complutense e o Ministério da Defesa, o Grupo de Pesquisa da Universidade Complutense de Novas Tecnologias e Democracia e o Tribunal Superior Eleitoral Brasileiro, no âmbito da Rede Global de Justiça Eleitoral.

« Volte

Este site utiliza cookies de sessão ou persistentes, próprios ou de terceiros, necessários para o desempenho do site ou com objetivos analíticos e estatísticos. Se você continuar navegando, entenderemos que você aceita as condições de uso.
Para obter mais informações, clique aqui.